Egoísmo

A fumaça do cigarro parece criar um elo entre a realidade dentro e fora de mim. O embaço, a falta de uma visão nítida e a sensação de se ter uma vaga idéia do vulto de quem está ao seu lado parece me trazer um pouco de conforto. A mesa, o bar, as pessoas. Nada me é absolutamente familiar, e ao mesmo tempo não me sinto uma estranha.

Poucos segundos são suficientes para acustumar a minha visão e as minhas narinas. Depois, tudo me parece absoltuamente normal. Os papos acéfalos, as risadas estendidas por goles de cerveja, o desejo de estender a noite, a falta de um rumo, de um destino. A minha vontade de voltar pra casa e me fechar em mim mesma me sufoca tanto quando as luzes dos carros que passam pela rua.

Já não sei mais destingüir quem é quem aqui dentro. São tantos os vultos de pessoas que eu já fui, que eu me esforçei para ser, que eu fingi que eu era, que eu me perdi na minha própria confusão. A funcionária já não sabe se vai conseguir aguentar o tranco de ser amiga. A amiga não tem a menor noção de como vai ser quando for filha. A filha, tadinha, não vai saber ser amante. A amante não vai conseguir ser a funcionária. E esse é só o começo mais insípido de tudo isso.

Mas todas elas, todas as eu mesmas que existem, já foram avisadas que dessa vez não passa. Ou se fundem numa só ou me matam. Resolvi mergulhar na minha crise. Que pode ser parecida com um bar, como um quebra-cabeça, com a mistura das cartas de um baralho. Mas é minha, e só minha. 

Anúncios

2 comentários em “Egoísmo

  1. Poderia concordo com o que escreveu “sophi”. Mas na realidade, concordo apenas em parte. Acho o que escreves bonito mesmo, mas não posso dizer que adoro, não.

O que você acha?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s